Cruzinha, que marca primeira denominação da cidade, será realocada para ponto original

Bento Gonçalves completa 130 anos no dia 11 de outubro. Porém essa história teve início bem antes da data de emancipação política. Estamos falando especificamente da primeira denominação da localidade: “Cruzinha”. 

Sobre a denominação, a publicação “Da colônia Dona Isabel ao município de Bento Gonçalves – 1875 a 1930 – História”, de Bernadete Schiavo Caprara e Terciane Angela Luchese, relata que “o local de passagem para a comercialização de produtos entre os campos de Vacaria e Montenegro ou a Capital. De um acontecimento trágico, a morte de um destes transeuntes, foi colocada uma tosca cruz em madeira que passou a denominar o lugar”, ressalta a obra. 

Conclui-se, portanto, de que a denominação “cruzinha” teve origem na Cruz encontrada ao largo dos terrenos, então baldios, e que hoje abrange parte da Praça Dr. Walter Galassi, Banrisul e Edifício Adelina Ruga (Unibanco).

Na Administração de João Baptista Pianca, no dia 29 de setembro de 1926, foi transferida para o Largo da Cruzinha que ficava ao lado da Igreja Santo Antônio. Por fim a cruz foi novamente transferida para a frente da Igreja Santo Antônio na administração de Sadi Fagundes (1969 – 1973).

Com objetivo de resgatar a cultura e marcar o ponto de início do Walking tour, passeio turístico pelos principais pontos da Via Del Vino, a Secretaria do Turismo e a Secretaria de Viação e Obras Públicas realizam nas próximas semanas a remoção e recolocação da Cruz no local de origem no Largo. “É um trabalho de remoção do local atual da cruzinha para o local de origem dela, onde anos passados ela estava instalada, conforme dados bibliográficos, e com muito respeito a história. A cruzinha representa o ponto zero de Bento Gonçalves onde a cidade começou, com a colonização passou a ser chamado a cidade de Dona Isabel e posteriormente Bento Gonçalves. Forma simbólica de resgate a cultura e início de um projeto que mostrara essa história”, destaca o Secretário de Turismo, Rodrigo Ferri Parisotto.  

Equipes das obras trabalham na preparação do novo local do monumento. Atualmente a localização é em frente a igreja Santo Antônio.


Assessoria de Comunicação Social Prefeitura 

Foto: Vinicius Pizzetti

Deixe uma resposta