Encontro de Prateiros traz cantor tradicionalista Lisandro Amaral

Integrando a programação do Encontro Internacional de Prateiros, o compositor, escritor e cantor tradicionalista Lisandro Amaral lança, após um hiato de seis anos, o álbum “Cancioneiro à moda antiga”. O evento ocorre no dia 9 de março, às 20h, no Anfiteatro Ivo Antônio Da Rold. Os ingressos são gratuitos e já estão disponíveis na recepção da Fundação Casa das Artes para a retirada.

O CD tem participações especiais de Marcelo Oliveira, Eron Vaz Mattos, Leonel Gomes e Nelcy Vargas, e destaques como “Chote Fronteiriço”, “Fazendo Tropilha” e “No Garrão de um Milonguear”.

Natural de Bagé, Amaral traz um registro comemorativo aos 20 anos de trajetória artística marcada pela grande valorização das origens e das lides do homem do campo, mostrando em seus trabalhos a fusão entre a tradição gaúcha e a contemporaneidade, demonstrando seu compromisso com os rumos da cultura musical nativista.

Amaral tem como referências culturais influenciado pelos versos de Jayme Caetano Braun, Eron Vaz Matos, Aureliano de Figueiredo Pinto e o estilo musical simples e enraizado de Noel Guarany, Cenair Maicá, Pedro Ortaça e Luiz Marenco e suas composições já foram gravadas e interpretadas por cantores renomados como Joca Martins, César Oliveira, Luiz Marenco, Jari Terres, Robledo Martins.

 

Obras

CD “À Moda Antiga” (2001); o CD “Querência e Caminho” (2003); o CD “Razões de Ser” (2005), “Canto Ancestral” (2011) que trata de um livro com o CD de áudio em anexo e o livro “Meu Tempo Escrito” (2013). Trabalha, em suas apresentações, acompanhado pelo grupo musical “Curandeiro Silêncio” com Cristian Camargo, Pedro Terra, Lucas Gross (violões) e Ricardo Comassetto (cordeona).

 

Assessoria de Comunicação Social
Fotos: Divulgação/Encontro Interncional de Prateiros

Deixe uma resposta