Observatório Turístico de Enfrentamento à Covid-19 conta com equipe renomada de pesquisadores

Com o objetivo de monitorar periodicamente as taxas de contaminação e a eficácia das medidas de segurança adotadas nos empreendimentos turísticos da cidade, Bento Gonçalves instituiu, há cerca de três semanas, o Observatório Turístico de Enfrentamento à Covid-19, em uma articulação do Comitê Pró-Turismo Bento com instituições de ensino superior.

Mediante coleta semanal dos dados por meio de formulário online, o projeto tem como amostra um percentual dos estabelecimentos cadastrados no selo “Ambiente Limpo e Seguro”, que atualmente soma 86 certificados.

Com uma equipe multidisciplinar, formada por onze pesquisadores com experiência, o Observatório conta com a parceria de seis instituições de ensino: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do RS (IFRS) – Campus Bento Gonçalves e Porto Alegre, Centro Universitário Cenecista de Bento Gonçalves (UNICNEC), Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO), Universidade do Vale do Taquari (UNIVATES) e Universidade de Caxias do Sul (UCS).

O projeto é coordenado pela professora doutora Hernanda Tonini, que possui graduação em Turismo – Gestão Hoteleira, MBA em Gestão Empresarial, mestrado em Turismo e doutorado em Desenvolvimento Rural.

O monitoramento se estenderá pelo período de doze semanas e avaliará e monitorará a evolução de casos de contaminação pelo vírus em ambientes que adotam medidas preventivas de combate ao Coronavírus, podendo apresentar cenários sobre a efetividade das ações realizadas na redução do contágio por parte das equipes que trabalham nos estabelecimentos e também pela visita turística.

Equipe de pesquisadores

• Hernanda Tonini, turismóloga (UNISUL), Especialista em Gestão Empresarial (FGV), Mestre em Turismo (UCS) e Doutora em Desenvolvimento Rural. Desde 2011 é professora do IFRS, atualmente exercendo atividade de ensino, pesquisa e extensão no Campus Bento Gonçalves.

• Bruno Dos Santos Melo, bacharel em Turismo pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ); Intercambista no programa The Americas – Student Exchange Program in Ecology and Natural Resources Management – Universidade de Maryland – EUA. Responsável pelo acervo iconográfico do projeto de Pesquisa/Extensão – Patrimônio Histórico e Cultural de Nova Iguaçu – RJ: Relações simbólicas, sociedade e turismo- BIEXT/UFRRJ. Atualmente, cursando Técnico em Hospedagem pelo IFRS – Campus Bento Gonçalves.

• Carlos Henrique Monschau Funck, professor da Área de Turismo do Campus Bento Gonçalves – IFRS. Doutorando em Turismo e Hospitalidade – UCS. Especialista em Gestão em Turismo e Hotelaria. Graduado em Gestão em Turismo e História.

• Shana Sabbado Flores, professora de administração no IFRS – Campus Bento Gonçalves. Doutorado em geografia com tese relacionada à vitivinicultura sustentável em co-tutela entre a Universidade Federal do Rio Grande do Sul e Université de Bourgogne. Mestre em Geografia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2011), Master em Management et Système d’Information de la Chaine Logistique pela Université Pierre Mendes France – Grenoble 2 (2006), Graduação em Administração de Empresas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2005), Experiência profissional na área de Administração, com ênfase em Supply Chain.

• Raquel Fronza Scotton possui graduação em Turismo pela Universidade de Caxias do Sul (2009) e Especialização Lato Sensu em Gestão Pública Municipal pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Tem experiência na área de Turismo e Administração, com ênfase em Administração Pública. Atuou no período de 2004 a 2014 junto à Secretaria Municipal de Turismo de Bento Gonçalves. Ingressou no IFRS em 2014 e está como Diretora de Extensão do Campus desde setembro de 2018.

• Daisy Letícia Bortolini, bióloga, atualmente no Departamento de Vigilância Sanitária de Bento Gonçalves.

• Rita Michelin, mestre em Turismo (UCS), turismóloga (PUCRS) e antropóloga (UFRR). Atualmente é professora e coordenadora do Curso de Turismo do Centro Universitário Cenecista de Bento Gonçalves (UNICNEC Bento).

• Joice Lavandoski, bacharel e mestre em Turismo pela Universidade de Caxias do Sul (UCS). Doutora em Turismo pela Universidade do Algarve (Portugal). Professora Adjunto no Departamento de Turismo e Patrimônio, da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO), coordenadora do Laboratório de Eventos em Turismo (LABETUR/UNIRIO). Áreas de pesquisa: Enoturismo, Gastronomia, Eventos, Planejamento do Turismo, Gestão Organizacional.

• Marcelino de Souza, possui graduação em Engenharia Agronômica pela Universidade Estadual de Londrina (1986), mestrado em Extensão Rural pela Universidade Federal de Santa Maria (1993) e doutorado em Engenharia Agrícola pela Universidade Estadual de Campinas (2000). Atualmente é professor titular do Departamento de Economia e Relações Internacionais e dos Programas de Pós-graduação em Desenvolvimento Rural e de Agronegócio da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e também Coordenador do Programa de Pós-graduação em Agronegócios da UFRGS.

• Gisele Cemin, graduada em Ciências Biológicas pela Universidade do Vale do Taquari, Mestre e Doutora em Sensoriamento Remoto pelo Centro Estadual de Pesquisas em Sensoriamento Remoto e Meteorologia (CEPSRM) da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Atualmente é professora Adjunta da Área do Conhecimento de Ciências Exatas e Engenharias e professora do corpo permanente do Programa de Pós-Graduação em Turismo e Hospitalidade – mestrado e doutorado.

• Luís Fernando Saraiva Macedo Timmers, biólogo formado pela PUCRS, mestre e doutor em Biologia Celular e Molecular (PPGBCM) pela mesma instituição. Atualmente, atuo como professor no curso de Ciências Biológicas da Universidade do Vale do Taquari e nos Programas de Pós-Graduação em Biotecnologia (PPGBiotec) e Ciências Médicas (PPGCM) na mesma instituição.

• Tissiane Schmidt Dolci, mestre em Turismo pela Universidade de Caxias do Sul (UCS ) e Doutoranda em Desenvolvimento Rural pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), é professora desde 2010 no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul (IFRS)- Campus Porto Alegre, onde atua na área de Ciências Sociais Aplicadas lecionando e realizando projetos de pesquisa e extensão. Dedicando-se à docência desde 2003, atuou como coordenadora e professora do Curso de Tecnologia em Hotelaria da Faculdade de Tecnologia Senac-RS e lecionou nos Cursos de Tecnologia e Bacharelado em Hotelaria da Universidade de Caxias do Sul (UCS) e Bacharelado em Turismo da Faccat. É membro dos grupos de pesquisa Gestão, Empreendedorismo e Desenvolvimento Econômico e Social (IFRS) e Mercados Não Agrícolas (UFRGS) onde investiga as temáticas do enoturismo e do turismo rural.


Assessoria de Comunicação Social da Prefeitura 

Deixe uma resposta