Parada Estação Vindima dá início ao período da colheita

O tempo é de celebrar a vindima, de festejar o resultado do trabalho de muitas famílias e trabalhadores, que fazem do cultivo da uva sua fonte de renda e de desenvolvimento econômico para Bento Gonçalves e região. De forma inovadora em virtude da pandemia do coronavírus a Estação Vindima foi aberta oficialmente nesta sexta-feira (15), com a parada em diversos pontos da cidade. 

A programação cumpriu todos os rituais já tradicionais da vindima, com uma diferença, em locais distintos e sem a presença do grande público. O prefeito, Diogo Siqueira, o vice Amarildo Lucatelli e o secretário de Turismo, Rodrigo Parisotto realizaram a colheita simbólica da uva. Logo depois no parreiral da Praça Achyles Mincarone, com a presença do Padre Rafael Giovanaz foi realizada a benção da colheita, e dos agricultores. A atividade contou com a presença do enólogo, Firmino Splendor, Sandro Giordani, e a presidente do Bento Convention Bureau, Gabrielle Signor Rodrigues.

A música e a cultura, ficaram por conta da Parada Estação Vindima. A blitze, além de contar com a animação da dupla Paloma E Miqüi, informações sobre prevenção ao coronavírus, presenteou os motoristas com cachos de uva. “Estamos em um momento especial para nossa cidade, a vindima representa o resultado do trabalho dos nossos agricultores, a colheita da uva, celebração da nossa tradição. Este ano em virtude da pandemia, inovamos, e trouxemos a alegria da estação para as ruas. Todos os cuidados precisam continuar”, destaca o Secretário de Turismo, Rodrigo Ferri Parisotto. 

Uma das atrações da intervenção é o Tastavin, simbolo máximo da Fenavinho. 

Durante a tarde a Parada Estação Vindima foi realizada na Via Del Vino com a presença do Cavatappi. O evento segue no fim de semana. A programação da Estação Vindima pode ser acessada no bento.tur.br. 

Assessoria de Comunicação Social Prefeitura

Foto: Emanuele Nicola

Deixe uma resposta